Nosso propósito unificador e filosofia central:

Para dar às pessoas a chance de fazer parte de algo positivo, cresça internamente e a oportunidade de realmente fazer a diferença no mundo.

Para aumentar a nossa consciência, sentimento e sensibilidade para a vida, o espírito e a energia no universo, através da interação com outras pessoas ao redor do globo e nosso planeta vivo que respira.

Para explorar o mistério da vida, questione a consciência, a realidade e o poder da mente.

Ajudar a despertar o guerreiro interior que está em todos, incentivando-nos a seguir nossos corações e viver nossos sonhos.

Restaurar nossa profunda conexão interior com o mundo natural e, ao fazê-lo, ajudar a guiar as pessoas a se guiarem na redescoberta do caminho para a iluminação espiritual e o poder de viver no agora.

Em última análise, atuar como uma ferramenta indicadora para a realização de quem realmente somos - que já somos inteiros, completos, felizes e perfeitos se apenas aprendermos como abrir nossos olhos, abrir nossas mentes e abrir nossos corações para isso.

Encorajar e despertar as pessoas para a verdade de 'o que sou eu?' Não apenas como um conceito mental, mas do lugar mais profundo do Ser, e a partir daí, na verdade, passando a viver sua mais alta verdade e propósito divino na vida; com foco, comprometimento e ação.

Apoiar, capacitar e celebrar culturas indígenas e povos nativos do mundo através de seus rituais, cerimônias, artes e tradições.

Ajudar as comunidades indígenas na sua luta pela auto-sustentabilidade, autonomia econômica e, finalmente, por uma vida melhor para todos.

Criar uma rede de atores e artistas conscientes da vida criativa de todo o mundo, individualizada por nossa diversidade única, mas vinculada por nossa unidade comum.

Formar uma aliança global composta pelas maiores mentes, vozes influentes, líderes poderosos, inovadores e responsáveis ​​por mudanças radicais, unificando nossa intenção de tornar o mundo um lugar melhor.

Reconstruir juntos uma sociedade e um planeta evoluídos, onde todos possam viver e expressar livremente seu gênio, domínio e dons únicos.

Tornar-se uma incubadora de sonhos, onde novos projetos e idéias que servem ao bem maior e ao todo podem ser criados, com todos os recursos facilmente acessíveis e abundantemente disponíveis.

Nutrir e nutrir nossa Mãe Natureza da mesma forma que ela nos nutre e nutre.

Ser voluntários responsáveis, guardiões, cuidadores e protetores dessas terras e os locais sagrados de nossos ancestrais.

Cuidar ao máximo do meio ambiente com total atenção e conscientização e incorporar uma abordagem profundamente conservadora e sustentável em tudo o que fazemos.

Desempenhar um papel de liderança no preenchimento da lacuna e na criação de um relacionamento saudável e feliz entre ciência, negócios e espiritualidade.

Mostrar e disponibilizar ao público algumas das tecnologias mais avançadas e avançadas que o mundo já viu.

Dar um exemplo e definir um padrão de alta qualidade para criar juntos um novo mundo, significando nosso retorno ao trabalho eficiente novamente na comunidade e em total equilíbrio, harmonia, comunicação e conexão com a Terra; e nós mesmos.

Fornecer um modelo e uma solução alternativa real e tangível de como viver e trabalhar em uma sociedade consciente e auto-sustentável, ao mesmo tempo em que adota com sucesso estratégias de negócios e marketing poderosamente integradas, profundamente enraizadas em uma forma atualizada de consciência capitalismo.

Ensinar às pessoas como usar com mais eficácia o trabalho de cura profunda como uma ferramenta transformadora e como integrar com segurança e eficácia as visões e insights recebidos de Mãe Ayahuasca e o uso de outros medicamentos xamânicos para plantas, no contexto de um cenário e cultura modernos recentemente evoluídos.

Demonstrar e orientar claramente as pessoas, em como descobrir por si mesmas a melhor maneira de aplicar com mais êxito o que aprendem e percebem após participar de uma cerimônia sagrada, em seu próprio contexto de vida individual: história, realidade, situação atual e conjunto único de circunstâncias.

A nossa Filosofia:

Alinhamos a filosofia e as intenções de nosso projeto com total respeito, honra e gratidão, prestando uma homenagem completa à cultura e aos ensinamentos da sabedoria antiga do povo nativo americano e das tribos indígenas da Amazônia, e especificamente ao caminho da medicina indicado e apresentado. para nós por nossos ancestrais, pelo círculo de anciãos e por todas as nossas comunidades indígenas do passado que caminharam forte e bravamente diante de nós para transmitir-nos esta mensagem. Convidamos todos a relembrar essas filosofias, adaptando as orações a seguir em nossa igreja e em todo o trabalho que seremos guiados a partir deste dia.

~ Aho Mitakue O 'yasin (Para todas as minhas relações)

 

Primeira Filosofia - ÀS MULHERES

O ciclo de vida da mulher é o bebê, a menina, a mulher e a avó.

Estas são as quatro direções da vida.
Ela recebeu, pelas leis naturais, a capacidade de reproduzir a vida. A mais sagrada de todas as coisas na vida.
Portanto, todos os homens devem tratá-la com dignidade e respeito.
Nunca foi nossa maneira de prejudicá-la mental ou fisicamente. Homens indianos nunca foram abusadores. Sempre tratamos nossas mulheres com respeito e compreensão.
Então, de agora em diante,
Vou tratar as mulheres de maneira sagrada.
O Criador deu às mulheres a responsabilidade de trazer nova vida ao mundo. A vida é sagrada, então vou encarar as mulheres de maneira sagrada.
Em nossos modos tradicionais, a mulher é a base da família.
Trabalharei com ela para criar uma atmosfera doméstica de respeito, segurança e harmonia.
Abster-me-ei de qualquer forma de abuso emocional ou físico.
Se eu tiver esses sentimentos, conversarei com o Criador para obter orientação.
Tratarei todas as mulheres como se fossem minhas próprias parentes.
Eu juro.

Segunda Filosofia - PARA AS CRIANÇAS

 Enquanto uma águia prepara seus filhotes para deixar o ninho com todas as habilidades e conhecimentos necessários para participar da vida, da mesma maneira, eu vou guiar meus filhos.

Vou usar a cultura para prepará-los para a vida.
A coisa mais importante que posso dar aos meus filhos é o meu tempo.
Vou passar um tempo com eles para aprendê-los e ouvi-los.
Ensinarei meus filhos a orar, bem como a importância do respeito.
Nós somos os cuidadores das crianças para o Criador. Eles são filhos dele, não nossos.
Tenho orgulho da nossa língua nativa. Vou aprender se puder e ajudar meus filhos a aprender.
No mundo de hoje, é fácil que as crianças se desviem, por isso vou trabalhar para fornecer alternativas positivas para elas.
Vou ensiná-los a cultura.
Vou incentivar a educação. Vou incentivar o esporte. Vou incentivá-los a conversar com os Anciãos para orientação; mas principalmente, procurarei ser um modelo para mim.
Assumo esse compromisso com meus filhos para que eles tenham coragem e encontrem orientação através de formas tradicionais.

Terceira Filosofia - À FAMÍLIA

O Criador nos deu a família, que é o local onde todos os ensinamentos são transmitidos do avô, aos pais e à criança. O comportamento das crianças é um espelho do comportamento dos pais. Sabendo disso, percebo a importância de cada homem indiano ser responsável perante a família, a fim de satisfazer a necessidade de construir uma família forte e equilibrada. Ao fazer isso, vou quebrar o ciclo de mágoa e garantir a saúde mental positiva de nossos filhos, mesmo os que ainda não nasceram.

Então, de agora em diante,
Dedico minhas prioridades à reconstrução da minha família.
Nunca devo desistir e deixar minha família apenas para a mãe.
Sou responsável por restaurar a força da minha família. Para isso, nutrirei a saúde espiritual, cultural e social de nossa família. Demonstrarei confiança, respeito, honra e disciplina; mas principalmente serei consistente no que fizer com eles.
Vou ver que os avós e os anciãos da comunidade desempenham um papel significativo na educação dos meus filhos.
Eu percebo que o homem e a mulher juntos são fundamentais para a nossa vida familiar. Vou ouvir o conselho do meu cônjuge para o benefício de nossa família e também para o benefício de minha nação indiana.


Quarta Filosofia - À COMUNIDADE

A comunidade indiana fornece muitas coisas para a família. O mais importante é o sentimento de pertença; isto é, pertencer ao “povo” e ter um lugar para ir. Nossas comunidades indianas precisam ser restauradas para a saúde, para que a geração futura tenha garantido um lugar para cultura, idioma e socialização indiana. Na comunidade, a honra de um é a honra de todos e a dor de um é a dor de todos. Trabalharei para fortalecer a recuperação em todas as partes da minha comunidade.

Como homem indiano,
Eu retribuirei à minha comunidade doando meu tempo e talentos quando puder.
Vou cultivar amizades com outros homens indianos para apoio e força mútuos.
Vou considerar os efeitos de nossas decisões em nome das próximas sete gerações; dessa maneira, nossos filhos e netos herdarão comunidades saudáveis.
Cuidarei dos que estão em minha comunidade para que a mente mude, álcool e drogas, desapareça e nossas comunidades estejam para sempre livres de violência.
Se cada um de nós puder fazer todas essas coisas, outros seguirão; a nossa será uma comunidade orgulhosa.


Quinta Filosofia - À TERRA

Nossa Mãe Terra é a fonte de toda a vida, sejam plantas, as de duas pernas, quatro patas, aladas ou os seres humanos. A Mãe Terra é a maior professora, se a ouvirmos, observarmos e respeitarmos. Quando vivemos em harmonia com a Mãe Terra, ela reciclará as coisas que consumimos e as disponibilizará aos nossos filhos. Como homem ou mulher, devo ensinar meus filhos como cuidar da Terra para que ela esteja lá para as gerações futuras.

Então, de agora em diante,
Eu percebo que a Terra é nossa Mãe. Vou tratá-la com honra e respeito.
Honrarei a interconexão de todas as coisas e todas as formas de vida.
Vou perceber que a Terra não nos pertence, mas que pertencemos à Terra.

A lei natural é a autoridade suprema sobre as terras e a água. Vou aprender o conhecimento e a sabedoria das leis naturais. Vou passar esse conhecimento para meus filhos.

A Mãe Terra é uma entidade viva que mantém a vida. Falarei bem sempre que vir alguém abusando da Terra. Assim como eu protegeria minha própria mãe, também protegerei a Terra. Assegurarei que a terra, a água e o ar estejam intactos para os meus filhos e para os filhos dos meus filhos - os nascituros.


Sexta Filosofia - AO CRIADOR

 Como indiano, percebo que não obtemos ganhos sem o Grande Espírito estar em nossas vidas. Nem eu, nem qualquer coisa que eu tente fazer, funcionará sem o nosso Criador. Ser indiano e ser espiritual tem o mesmo significado. A espiritualidade é o nosso presente do Grande. Dito isto, juro andar pela Estrada Vermelha.

Como homem indiano,
Voltarei aos valores tradicionais e espirituais que guiaram meus ancestrais nas gerações passadas.
Examinarei com novos olhos os poderes de nossas cerimônias e costumes religiosos, pois são importantes para a própria sobrevivência de nosso povo.
Nós sobrevivemos e vamos crescer e florescer espiritualmente. Cumpriremos nossos ensinamentos e o propósito que o Criador nos deu com dignidade.
Todo dia orarei e pedirei orientação. Comprometerei-me a percorrer a Estrada Vermelha, ou qualquer que seja o caminho espiritual chamado em minha própria cultura.
Se eu sou cristão, serei bom. Se eu seguir uma tradição, andarei por esse caminho com dedicação.
Se cada um de nós puder fazer essas coisas, outros os seguirão. A partir deste dia, reservarei tempo e energia para a espiritualidade, buscando conhecer a vontade do Criador.


Sétima Filosofia - PARA MIM

 Pensarei em que tipo de pessoa eu quero ser quando for mais velho. Vou começar a me desenvolver agora para ser essa pessoa.

Andarei com o Grande Espírito e os avôs ao meu lado. Vou me desenvolver para permanecer positivo. Vou desenvolver uma boa mente.
Vou me examinar diariamente para ver o que fiz de bom e o que preciso melhorar. Vou examinar meus pontos fortes e fracos; então pedirei ao Criador que me guie. Vou desenvolver uma boa mente.
Todos os dias, ouvirei a voz do Criador ao vento. Observarei a natureza e pedirei que me mostrem uma lição que ocorrerá no meu caminho.
Buscarei nossos princípios orientadores que guiaram meus ancestrais. Andarei em dignidade, honra e humildade, conduzindo-me como guerreiro.
Buscarei a orientação dos Anciãos, a fim de manter o conhecimento da cultura, cerimônias e cânticos, e assim transmiti-los às gerações futuras.
Eu escolho fazer todas essas coisas sozinho, porque ninguém mais pode fazer isso por mim.
Eu sei que não posso dar o que não tenho, então vou precisar aprender a andar na conversa.

(Adaptado de "Sete filosofias para um homem nativo americano" (© 1996 por White Bison Inc.)

 

Com tanto amor, comprometido com o amor, cura e despertar para todos nós,

 
Nossa filosofia

 Você se juntou 

 a Comunidade de Cura Global ainda?